22.5 C
Brasil
domingo, dezembro 5, 2021

Rio possui 2.209 profissionais de saúde afastados por coronavírus

Brasil

O Estado do Rio de Janeiro possui 2.209 profissionais de saúde afastados de suas funções por terem contraído ou estarem com suspeita do novo coronavírus.

Segundo levantamento da Secretaria Estadual de Saúde (SES), 1.169 profissionais estão afastados, o que representa 6% da força de trabalho da saúde na rede estadual.

A maior incidência acontece no Hospital Estadual Alberto Torres, em São Gonçalo, na região metropolitana do Rio. Na unidade, 175 funcionários já foram afastados, entre médicos, enfermeiros e técnicos.

Na capital, dados da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) apontam que 1.040 profissionais estão de licença por estarem com suspeita ou com infecção confirmada pela covid-19. Além deles, outros 277 estão afastados por terem 60 anos ou mais.

Ao todo, 2,9% dos 45 mil funcionários que trabalham em unidades municipais de saúde estão afastados.

*Com informações do Estadão Conteúdo

- Advertisement -
- Advertisement -

Ultimas Notícias